A Paixão segundo P.R

e não é que dia desses, lá pelas 6h23 da manhã eu abri a porta do meu apartamento, cheia de alegria e vontade de viver, quase pronta para me dirigir ao cursinho (eu ainda conservava como luxo as calças do meu pijama), com a intenção de ler o jornal do meu vizinho e saber se ia chover só pra melhorar essa merda de dia que tava prometendo. Eu,toda linda, de pantufas de tigre acendi a luz do pequeno cômodo e virei o jornal do Seu Francisco (o vizinho) quando, de repente, não mais que de repente eu olho para a parede e vejo

uma baratona

~fluxo de adrenalina no meu cérebro~ sei lá gente, deve ser uma coisa primordial, algo que eu herdei do meu ta tara tatara tataravô Australopitecus, mas se eu vejo uma barata, viva, morta, esturricada numa calçada, ou balançando as anteninhas castanhas eu simplesmente perco a minha dignidade humana. E nessa manhã, era apenas eu e ela. num quartinho sem janelas, de aproximadamente 2m². Eu fiz o que qualquer ser humano racional faria né gente

fui chamar minha mãe né

e fui sem dó nem piedade acordar mam num horário que beira o desumano

-mam c não sab tem um bisho no hall toachano q eh uma barats mam vem rápido mam eu deishei a porta aberta ela vai entra mam acorda mam

~uma barata~isso foi o suficiente para acordar minha mãe. Aparentemente foi dela que eu herdei a minha total incapacidade de agir diante desse tipo de animal,rs. Mamãe foi comigo até o hall, e confirmamos. era realmente uma barata. Sorte que anos e anos (rs mtos anos) de experiência tornaram minha mãe capaz de tomar uma providência lógica diante desse problema, no lugar do “fecha a porta e veda as portas e a gente nunca mais usa esse elevador de novo” ou “ai meu deus interfona pro Romoaldo da portaria AI MELDELS” que eu propus rs e disse

Pati, fica de olho nela que eu vou buscar inseticida

e eu ok ok ok vai logo mam ela tá correndo ai meu deus tá no teto mam vai logo mam vai logo. Mas a minha mãe demorou séculos no meu tempo psicológico. E nesse intervalo eu pude, ou melhor eu tive, que encarar a barata, e num momento Clarice Lispector eu olhei no interior da barata e vi o meu próprio plano das idéias (kk -qq eu tofalano, mentira, eu tava é com medo daquela merda cair do teto e correr p/ dentro de casa,c acha) mas foi quando eu vi que aquela barata não tinha uma casca grossa, não era, como no livro uma barata tão velha que era quase primordial. Ela não tinha nem casca, ela era uma barata jovem. SIM. ela era uma barata

restart

restart

e lá estava ela, jovem, inconveniente, feia, ninguém em sã consciência podia gostar dela,  pequena e antenuda, ela simplesmente não podia existir. E então, chega minha mãe – Pati minina vc não sabe, não tem inseticida só tem esse spray de pulga da gata. ~ai mãe~ e então minha mãe começou a bombardear a barata, que a essa hora já estava correndo pelo teto, e eu em choque sem conseguir mover um músculo, presa na seguinte posição (um tanto frequente na minha vida)

grito

e minha mãe afogando aquela bicho lazarento que não morre nem com um tiro de calibre 12. Quando, sim, a barata descola do teto e cai no chão, no tapete do vizinho. Bom gente, foi aí que a minha sugestão venceu, minha mãe me arremessou p/ dentro da casa, fechou a porta e colocou vários panos embaixo rs. Fui pra aula pelo elevador de serviço. rs ~o tempo passou, a grama cresceu~rs no mesmo dia na aula mandei uma msg p/ minha mãe ~mam e a barata ai meu deus~e ela ~AI FILHA NÃO SEI mas olha ela deve ter sido atraída pela aquela imundície que é o seu quarto, aquilo tá um nojo é uma pouca vergonha olha daqui a pouco vão aparecer larvas e a culpa é sua uma falta de higiene onde já se viu que absurdo viu ~ ai eu ah bls, enfim, acabou a aula estava eu

voltando pra casa,feliz

quando pensei -putz não posso esquecer de não ir pelo elevador social, pq a barata está lá, eu tenho que ir pelo de serviço- pois é né, pena que nessa hora eu já estava mais ou menos no 3° andar do meu prédio, subindo pelo motherfucking elevador da barata. eu tinha aproximadamente 45 segundos para bolar um plano melhor do que descer tudo pq né gente tava com fome pqp, pensei nossa eu vou ficar com a chave na mãe, nem vou acender a luz, vou enfiar direto essa mierda na fechadura abrir a porta em exatos 56 milésimos de segundo e entrar na minha casa. e foi exatamente isso o que eu fiz, pena que a minha mãe tinha posto a merda do trinco. eu estava presa, no escuro com a barata. toquei a campainha umas 80 vezes, MÃE ABRE AQUI MEU DEUS DO CÉU ouço um ~já vou, peraí~ e começo a esmurrar a porta em pânico. Acho que em tempo psicológico minha mãe demorou uma era pré cambriana pra abri a porta. E o legal é que a noite eu saí p/ jantar com meu pai e fiz o pobre subir p/ matar a barata, mas ~ela nunca mais foi vista~ ou seja

ela pode estar ainda por aí

ela ainda pode estar por aí

Anúncios

Etiquetas: ,

14 Respostas to “A Paixão segundo P.R”

  1. Tate Says:

    OLHA curti bem mais q clarice lispector

  2. adaeternum Says:

    HAHAHHAHAHAH

    RINDOALTISSIMO!
    Eu já matei barata com fixador de carvão (spray)/desodorante só pra nao ter q esmagá-la!!!

  3. Tika Says:

    AI JESUS CRISTO por um momento te imaginei comendo a barata

  4. Felipe Says:

    putz pratisia, mas acho que formiga é mais imunda que uma baratinha!
    uma baratinha frita na margarina é uma boa!

    bjs

  5. Tati Says:

    CORRE PATRISIA

  6. Chinês Says:

    Ah, mas aqui na China todos nós comemos baratas, seja em espetinhos ou refogado na manteiga/margarina, como nosso amigo alí bem disse.

    Junto com mariposas, baratas são daqueles insetos ultra rápidos que mal conseguimos detectar seus movimentos, sendo assim acompanhá-los ao olho nú.

    Pois então vista-os.

    Patrisia de Deus, baratas são seres extraordinários se tiveres a oportunidade de conhecê-los.

  7. milf Says:

    Toda vez que chego em casa
    A barata da vizinha está na minha cama
    Toda vez que chego em casa
    A barata da vizinha está na minha cama
    Diz aí Luis Fernando o que cê vai fazer
    Eu vou comprar um chicote pra me defender
    Ele vai dar uma chicotada na barata dela
    Ele vai dar uma chicotada na barata dela
    Diz aí Rogério o que cê vai fazer
    Eu vou comprar um pau pra me defender
    Ele vai dar uma paulada na barata dela
    Ele vai dar uma paulada na barata dela
    Diz aí Fernando o que cê vai fazer
    Eu vou comprar uma espora pra me defender
    Ele vai dar uma esporada na barata dela
    Ele vai dar uma esporada na barata dela
    Diz aí Luizinho o que cê vai fazer
    Eu vou comprar um inseticida pra me defender
    Ele vai dar uma tonteada na barata dela
    Ele vai dar uma tonteada na barata dela
    Diz aí Serginho o que cê vai fazer
    Eu vou comprar uma furadeira pra me defender
    Ele vai dar uma furada na barata dela
    Ele vai dar uma furada na barata dela
    Diz aí Alexandre o que cê vai fazer
    Eu vou comprar uma bombinha pra me defender
    Ele vai dar
    Ele vai dar

  8. milf Says:

    Uma Barata Chamada Kafka
    Inimigos Do Rei

    Encontrei uma barata na cozinha
    Eu olhei prá ela
    Ela olhou prá mim
    Ofereci a ela
    Um pedaço de pudim
    O curioso foi que ela…

    Ela disse: Sim!
    Vem cá ficar comigo
    Sim! Goste de tudo que eu gosto
    Sim! Vem cá ficar comigo
    Sim! Vem, kafka…

    Ofereci a ela
    Um disco do Sex pistols
    Ofereci a ela
    Uma batida de limão
    Perguntei se ela
    Gostava dos Beatles
    Perguntei se ela
    Era de escorpião…

    Ela disse: Sim!
    Vem cá ficar comigo
    Sim! Goste de tudo que eu gosto
    Sim! Vem cá ficar comigo
    Sim! Vem, kafka…

    Você mora na barata ribeiro
    Num edifício
    Que tem um buraco
    Perto do chuveiro
    Já se drogou com detefon
    Insetizan, fumou baygon
    Tudo quanto é tipo de veneno
    Você acha bom…

    Sim!
    Vem cá ficar comigo
    Sim! Goste de tudo que eu gosto
    Sim! Vem cá ficar comigo
    Sim! Vem, kafungá…

    Como posso evitar
    Essa coincidência
    Encontrar uma barata
    Com a minha aparência
    Como posso evitar…

    La Cucaracha La Cucaracha
    Tome cuidado com a
    Sandália de borracha…(2x)

    Sim!
    Vem cá ficar comigo
    Sim! Goste de tudo que eu gosto
    Sim! Vem cá ficar comigo
    Sim! Vem, kafka…

    La Cucaracha La Cucaracha
    Tome cuidado com a
    Sandália de borracha…(2x)

  9. milf Says:

    Pisa na barata
    Bonde do Maluco

    Pisa na Barata

    Tudo aconteceu Num dia de Domingo
    Eu não imaginava que corria perigo
    Foi em frente a uma casa , abandonada
    Derrepente sai de lá voando uma Barata
    Eu fiquei desesperado , sem saber o que fazer
    Eu achei que aquele monstro ia me morder
    Ai eu Pensei ligeiro , Morder ele não vai não
    Então eu pequei o sapato e dei um pisão

    Pisa , pisa , pisa na barata
    Pisa , pisa , pisa na barata
    Pisa , pisa , pisa na barata
    Pisa , pisa , pisa na barata

    Eu to com medo dela eu to com medo dela
    Eu to com medo dela eu to com medo dela

    Pisa , pisa , pisa na barata
    Pisa , pisa , pisa na barata
    Pisa , pisa , pisa na barata
    Pisa , pisa , pisa na barata

    Bicha nojenta e fedorenta
    E voadora o mata logo essa zorra

    Pisa , pisa , pisa na barata
    Pisa , pisa , pisa na barata
    Pisa , pisa , pisa na barata
    Pisa , pisa , pisa na barata

  10. @Dany235 Says:

    poooooha patrisa… se eu te contar q eu tenho esse mesmo pânico por baratas… shaUHSUhsuaHUSHushAUSHUashuH

    puta meo, não dá pra controlar né? vc fica paralisada em choque… é péssimo ¬¬

    nessas horas eu sempre saio correndo, freakin’ out and callin momma… sauhsuHUHSUAhsuAUhsuH
    essa é A solução… xD

    o pior é realmente qdo ngm consegue matar essa merda e ela, tipo, SOME!!! e agora meudeu, se ela estiver no meu quarto? e se ela subir na minha cama eqto eu estiver dormindo????? T-T

    é sempre assim… -_-

    eu te entendo, patchy (ain, qta intimidade… sorry =P)

    =*

  11. lordmanshoon Says:

    saudades da minha barata de estimação

  12. lordmanshoon Says:

    patrisa asasina

  13. Ivan Says:

    EU TE ENTENDO TOTALMENTE PATRISIA. Aqui em casa é a mesma coisa, quando eu era uma criança serelepe nao tinha medo de baratas, mas minha mãe me passou…. E se aparece uma aqui é a mesma coisa, eu vigio, ela pega o inseticida e mata. Sempre com muitos gritos e ranger de dentes.

    Pior foi hoje, eu esperando meu ônibus pra voltar na Unicamp (à noite) e aparece uma baratona no bueiro. Minha amiga comentou, eu saí correndo e teve que vir um cara pra matar… Lá se foi minha moral e bons costumes.

  14. alice Says:

    me jogo pela janela, mas n mato

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: